Tentativas mais comuns de assaltos em condomínios residenciais e empresariais

Por:

de de

Quem nunca ouviu relatos, na imprensa e de amigos, sobre condomínios residenciais e empresariais que foram assaltados por quadrilhas que se fizeram passar por outras pessoas e que entraram calmamente e sem despertar suspeita? Muitas são as histórias, muitas são as ações delituosas e o medo cresce para quem mora ou trabalha em condomínios.

A verdade é que, ainda que as pessoas estejam mais cuidadosas – pois a internet e a imprensa dão muitos alertas e orientações – os assaltantes seguem inovando e também usando truques velhos e manjados, mas que surtem efeito. São formas que eles utilizam para entrar em condomínios sem usar a força e nem chamar a atenção. Segundo as empresas de segurança privada (ou como alguns preferem: empresas de vigilância) e as polícias militares, o meio mais comum é se passar por outras pessoas.

Assim, fique atento às seguintes situações:

                                                Falsa grávida passando mal

Quem se recusaria a ajudar uma mulher grávida passando na calçada e que, subitamente, começa a se sentir mal? Todas as pessoas que assistem a uma cena assim, vão ajudar a pobre mulher. E ao se aproximar dela e estar totalmente concentrado em ajudá-la, eis que surgem seus comparsas, rendem quem veio socorrer a moça, e entram no condomínio discretamente.

                                                       Funcionários de empresas de telefonia/internet

Atualmente, todos têm TVs por assinatura e planos de telefonia, que, não raro, apresentam problemas e passam por mudanças. Assim, é comum se chamar a assistência técnica. Sabendo disso, pessoas interfonam para os apartamentos/salas comerciais se dizendo técnico da empresa tal, que veio para fazer um suporte ou proceder a uma verificação ou atualização. E conseguem entrar sem esforço. A regra, segundo empresas que oferecem serviços de portaria é sempre ligar para a companhia referida e checar se a visita é procedente.

                                             Entregadores de mercadorias

Com a crescente onda de vendas por e-commerce, as entregas nos condomínios também aumentaram muito, não levantando suspeitas sobre pessoas que chegam com pacotes e dizem querer entregar ao morador “fulano de tal” do apartamento “tal”.  Os especialistas em segurança patrimonial atestam que se deve ligar para o apartamento/empresa para saber se realmente a mercadoria está sendo aguardada. E que o seu recebimento seja feito na portaria do prédio

                                            Corretor de imóveis

Os assaltantes descobrem imóveis para vender ou alugar no condomínio, identificam-se como corretor de imóveis acompanhado de um interessado em conhecê-lo. De posse de chaves falsas, para dar veracidade à situação, eles têm acesso ao prédio. Idem ao item 2.

                                            Oficiais de Justiça ou policiais

Por se passarem por autoridade da Justiça e da Lei, os assaltantes têm pouco resistência para entrar, pois geralmente as pessoas se intimidam diante de “autoridades” e não oferecem nenhum obstáculo para a entrada dos supostos oficiais e policiais. Contudo, as boas empresas de portaria costumam orientar os seus porteiros para, neste caso específico, solicitarem o mandato autorizado pela Justiça e em nome de quem ele foi expedido.

                                            Agentes de saúde municipais

Anualmente, há campanhas para os cuidados com a dengue, solicitando que as pessoas recebam os agentes da vigilância sanitária para verificar possíveis focos do mosquito transmissor.  Neste caso, procure o telefone da Prefeitura de sua cidade e ligue para checar. Não ligue para o número fornecido pelo suposto agente de saúde. Essa é a recomendação dos especialistas de empresas de segurança privada.

Você viu acima as principais estratégias dos assaltantes. Mas é possível se prevenir e se antecipar aos seus movimentos. Com um moderno sistema integrado de controle de acesso, que tenha ótimos equipamentos, pessoas especializadas e treinadas, que tenha um plano de segurança específico para o seu caso, você minimiza a ação delituosa em seu condomínio.

O uso da tecnologia aliada à segurança tem produzido excelentes resultados. Seu condomínio pode ter a portaria presencial complementada com o aporte de câmeras de CFTV ou a opção pode ser a portaria remota, com o monitoramento eletrônico.

Qualquer que seja a sua escolha, o importante é ela ser com as soluções do Grupo Epavi. Siga-nos no facebook, Instagram e Linkedin e saiba mais sobre nossos serviços e setores atendidos.